vilabio

saúde mais perto de si

MEDO DE FALHAR LEVA 83% DOS PORTUGUESES A NÃO ARRISCAR NUM NEGÓCIO PRÓPRIO

A Amway apresentou um estudo mundial sobre as principais tendências mundiais na área do empreendedorismo e revela que 83% dos portugueses não arriscam num negócio próprio por terem medo de falhar e não serem bem-sucedidos.

amway empreendedorismo

amway empreendedorismo

De acordo com o relatório “Encorajar os Empreendedores – Suprimindo o Medo do Fracasso”, existe em Portugal uma crescente atitude positiva em relação ao empreendedorismo. Para além desta atitude, 32% dos inquiridos em Portugal afirma também que se imagina a criar o seu próprio negócio, uma percentagem um pouco menor, comparativamente aos resultados do relatório de 2012 e, aos resultados globais deste ano, de 39%.

Os participantes do estudo sentem-se motivados para criarem o seu próprio emprego, principalmente as pessoas com formação académica superior e os jovens adultos com menos de 30 anos de idade.

Relativamente às motivações para criar o seu próprio emprego, as conclusões do estudo apontam causas como a independência de uma entidade patronal e a realização pessoal e concretização das suas próprias ideias. Contudo, os resultados mostram também que a maioria das pessoas não colocaria os seus planos em prática.

“A cultura empreendedora não se adquire de um dia para o outro. A sociedade tem de encorajar as pessoas a empreender, valorizando a ousadia dos que empreendem, ensinando os jovens a empreender, facilitando o financiamento daqueles que arriscam e, protegendo aqueles que não têm sucesso. Os jovens podem estar muito motivados para o empreendedorismo mas, para criarem um negócio rentável e consistente, para investirem num projecto pessoal, é essencial terem role-models, mentores que as guiem e, ajudem a criar uma rede de contactos”, afirma Rui Baptista, Professor Catedrático em Empreendedorismo Internacional na Brunel Business School, em Londres.

Medidas como financiamento público e desenvolvimento de mais fundos para startups têm incentivado as pessoas na decisão de criar um negócio. 50% dos portugueses que participaram neste estudo afirmam que são de facto fatores decisivos para empreenderem, uma percentagem maior que a média internacional, que obteve um registo de 42%.

 

Amway introduced a global study on the key global trends in the area of ​​entrepreneurship and reveals that 83% of the Portuguese do not risk an own business for fear of failure and not being successful.

According to the report ” Encourage Entrepreneurs – Suppressing the Fear of Failure ” , in Portugal there is a growing positive attitude towards entrepreneurship . In addition to this attitude, 32 % of respondents in Portugal also states that imagines creating your own business , a percentage slightly lower compared to the results of the 2012 report, the overall results this year , 39%.

Study participants are motivated to create their own jobs , mostly people with university degrees and young adults under 30 years of age.

Regarding motivations to create their own jobs , the study findings point causes such as independence of an employer and personal fulfillment and realization of its own ideas . However , the results also show that most people would not put their plans into practice .

” The entrepreneurial culture is not acquired from one day to another. The society has to encourage people to undertake , valuing the boldness of those who undertake teaching young people to take , facilitating the financing of those who risk and protecting those who are not successful . Young people can be very motivated for entrepreneurship , but to create a profitable and consistent business, to invest in a personal project , it is essential to have role-models , mentors that guide you and help create a network of contacts , “says Rui Baptista , professor of International Entrepreneurship at Brunel Business School in London .

Measures such as public financing and development of more funds for startups have encouraged people in the decision to create a business . 50 % of the Portuguese who took part in this study claim that they are in fact decisive to undertake , higher than the international average , which earned a record 42% percentage factors .

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 23 de Maio de 2014 by in empreendedorismo, temas interessantes and tagged , , .

Navegação

Follow vilabio on WordPress.com

já viram

O grande dia11 de Junho, 2014
O grande dia chegou.
%d bloggers like this: